EX-PRESIDENTES

  • 1987 – 1999

    Sérgio Volk

    Fundador do IBEF-ES com meia dúzia de idealistas e o suporte de vários empresários capixabas.

  • 1999 – 2001

    Clóvis Viera

    Na presidência do IBEF-ES priorizou a ampliação das suas atividades, com adesão de novos associados, a realização de eventos e o Jornal do IBEF-ES. Introduziu as premiações do Prêmio Equilibrista, Destaque Empresarial e Empresário do Ano, através de uma negociação com o IBEF Nacional. Negociou a participação do IBEF-ES nos Encontros Nacionais Sócio Esportivos dando uma maior amplitude ao instituto em âmbito nacional. Foi membro do Conselho Diretor Nacional do IBEF, como vice-presidente, e participou dos encontros do IAFEI (IBEF Internacional), na Indonésia, Suíça, Canadá e Rio de Janeiro.

  • 2001 – 2003

    João Carlos

  • 2003 – 2005

    Evandro Milet

  • 2005 – 2007

    Otacílio Pedrinha

    Durante os quatro anos de sua gestão, focou nos almoços palestras, às vezes mais de um por mês, com presenças de secretários de estado e ministros e temas discutidos à época, entre os quais: Nova Lei das SAs, Novo Código Civil, Apex, Qualificação e Melhoria de processos para os exportadores brasileiros, Lei Rouanet, Modernização e expansão das empresas capixabas CST Arcelor Tubarão, Vale, Aracruz.

    Também promoveu curso de pós-graduação com a Fundação Don Cabral para 40 associados; visitas técnicas; participação anual nos encontros socio esportivos do IBEF, sendo sempre a terceira delegação mais numerosa, com aluguel de aeronaves saindo de Vitoria durante 3 anos; realização do Encontro IBEF.

  • 2007 – 2009

    Denise Cadette Gazineli

    Gestão marcada por promover com frequência mensal o encontro dos associados através de almoços palestras de temas os mais variados de acordo com o momento nacional e/ou regional; através da realização do I e II Fóruns de Finanças Empresariais de abrangência nacional; nos Encontros sócios esportivos nas montanhas do ES; e na criação de quatro Câmaras Temáticas: Assuntos Tributários; Investimentos Pessoais; Responsabilidade Socioambiental; e Finanças e Negócios com o objetivo de levar o IBEF mais próximo da sociedade local e de conteúdo técnico para os associados. Ainda na posse foi assinado convênio entre o IBEF e o Movimento ES em Ação, com o objetivo de mobilizar a classe empresarial capixaba para unir desenvolvimento com justiça social. Ainda nessa gestão foi criada a comenda “Ordem do Mérito do Desenvolvimento do ES”.

  • 2009 – 2011

    Geraldo Carneiro

  • 2011 – 2015

    Sérgio Sotelino

    A gestão de Sérgio Sotelino promoveu um trabalho de excelência em todas as frentes da entidade, tornando o instituto mais fortalecido, representativo e cobiçado. Desde o primeiro dia sua bandeira foi conteúdo e relevância.

    Merecem destaque alguns marcos na gestão como: implementação da auditoria Baker Tilly; contratação da Unicon Contabilidade; reestruturação e lançamento do Encontro IBEF de Pedra Azul; a criação do IBEF Jovem; relançamento da Pesquisa de Índice de Confiança do Ibefiano; mudança da sede para a Av. Nossa Senhora da Penha e a revisão do estatuto adequando-se às boas práticas de gestão e governança.

    Durante sua gestão foram realizados 75 eventos com mais de 9.247 ibefianos presentes, entre os quais, almoços palestras, cafés da manhã, visitas técnicas, IBEF Hour, Encontro IBEF e Equilibrista. Estiveram presentes palestrantes como governadores, ministros, diretores de entidades e empresas como Febraban, Itaú, BNDES, Petrobras, Banco Central, Google Brasil, Banco Modal, ANP, entre outras.

    Ao final de sua gestão o IBEF-ES contava com quase 500 associados e 18 mantenedores.

  • 2015 – 2017

    Luciano Machado